$18.00
GeekGold Bonus for All Supporters: 91.59

5,944 Supporters

$15 min for supporter badge & GeekGold bonus
37.5% of Goal | 26 Days Left

Support:

Recommend
5 
 Thumb up
 Hide
1 Posts

The Prodigals Club» Forums » Reviews

Subject: The Prodigals Club portuguese review rss

Your Tags: Add tags
Popular Tags: [View All]
Carlos Abrunhosa
Portugal
Aveiro
flag msg tools
mbmbmbmbmb
d10-1Sinopse:

Em The Prodigals Club os jogadores são nobres abastados que têm o capricho de desbaratar toda a sua riqueza, prestígio social e político o mais rápido possível, levando de vencida os não menos excêntricos parceiros de jogo que embarcam em semelhante porfia. No final, ironicamente, o vencedor será aquele ou aquela que conseguir ficar mais pobre!

d10-2Como se joga:

Setup

Numa primeira fase aconselha-se a jogar o jogo apenas com dois tabuleiros de competição e preferencialmente os tabuleiros de:

Eleições (cor verde)
Sociedade (cor avermelhada)

A esta versão vamos chamar a versão de iniciação. Se os jogadores já conhecerem o jogo podem jogá-lo com três tabuleiros de competição adicionando aos dois anteriores o tabuleiro de:

Bens (cor amarelada)

A versão completa, com os três tabuleiros, vamos chamar de versão avançada.

No centro da mesa coloca-se o tabuleiro das cartas (forma triangular) e por baixo deste o tabuleiro das ações de bónus (forma de trapézio) formando um triângulo grande cujos três lados servirão para encostarmos os tabuleiros das competições (2 na versão iniciante ou os 3 na versão avançada). Por cima do triângulo coloca-se o tabuleiro de votos.

Em função dos tabuleiro de competição escolhidos seriam-se as cartas do tabuleiro central. Seguindo o exemplo de uma partida para iniciantes e usando os tabuleiro de eleições e sociedade, as cartas usadas serão as que têm a mão com o polegar levantado e a do coração partido, no verso.

Para seriar as cartas separam-se as que têm o verso branco das que têm o verso preto. As brancas colocam-se por baixo e as pretas por cima daquelas. Com o baralho formado, coloca-se no tabuleiro central (forma triangular).

Este procedimento efetua-se também com as cartas específicas de cada tabuleiro de competição, no entanto, neste caso formam-se dois baralhos: um branco e outro preto e cada um deles com cartas de 2 ícones por baixo e com 1 ícone por cima daquelas. Faz-se o mesmo com as fichas de círculo político (forma quadrangular com ícone de mão com polegar levantado), e com as fichas de bens (no caso de se jogar com o tabuleiro de competição de bens).

No tabuleiro de competição sociedade colocam-se as fichas de Dama Beatriz devidamente baralhadas e com o ícone da Dama Beatriz virada para cima.

Cada jogador recebe:

Um tabuleiro individual para as cartas e outro para contabilizar o prestígio social dos jogadores.

E A 2 jogadores:

5 marcadores na sua cor (cartola), +1 se jogar a versão avançada;
10 moedas e 6 fichas de bens (só em jogos com a versão avançada);
1 ficha de círculo político sem ícone no verso;
Cada jogador coloca o seu marcador cilíndrico no número 42 do tabuleiro de votos;
Colocam-se as 4 fichas de nobres (forma hexagonal), 2 de homem e 2 de mulher, no tabuleiro de prestígio social; [livro de regras p.3]

E A 3-4 jogadores:

4 marcadores na sua cor (cartola), +1 se jogar a versão avançada;
4 moedas e 6 fichas de bens (só em jogos com a versão avançada);
1 ficha de círculo político sem ícone no verso;
Cada jogador coloca o seu marcador cilíndrico no número 37 do tabuleiro de votos;
Colocam-se as 4 fichas de nobres (forma hexagonal), 2 de homem e 2 de mulher, no tabuleiro de prestígio social; [livro de regras p.3]

E A 5 jogadores:

3 marcadores na sua cor (cartola), +1 se jogar a versão avançada;
4 moedas e 5 fichas de bens excluindo as da cruz vermelha (só em jogos com a versão avançada);
1 ficha de círculo político sem ícone no verso;
Cada jogador coloca o seu marcador cilíndrico no número 30 do tabuleiro de votos;
Colocam-se as 4 fichas de nobres (forma hexagonal), 2 de homem e 2 de mulher, no tabuleiro de prestígio social; [livro de regras p.3]

Em seguida determina-se a ordem de turno e cada jogador coloca o seu marcador na respetiva posição do tabuleiro das ações de bónus (forma de trapézio).



Em função da ordem de turno os jogadores recebem fichas de handicap numa ou mais competições:

Bens (versão avançada) → +1 moeda
Eleições → +1 voto
Sociedade → sobe o marcador de influência mais à direita, no tabuleiro de prestígio social individual;

Os handicaps são recebidos pela ordem indicada, ou seja, no caso de uma partida com a versão iniciante, os handicaps seriam distribuídos da seguinte forma:

E1º jogador – 3 handicaps: eleições+sociedade+eleições;
E2º jogador – 2 handicaps: eleições+sociedade
E3º jogador – 1 handicaps: eleições
E4º jogador – Não recebe handicaps!

Desenvolvimento do jogo

Uma ronda

Um jogo tem 5 rondas. Cada ronda é composta por várias fases, duas delas são específicas dos tabuleiros de competição em jogo:

1Setup
2Colocação de marcadores
3Ações
4Hyde Park (se jogar com tabuleiro de competição Eleições)
5Dama Beatriz (se jogar com tabuleiro de competição Sociedade)
6Final da ronda

[Não se aplica na 1ª ronda!] Na fase 1 – Setup – os jogadores têm de repor as cartas e as fichas requeridas por cada tabuleiro de competição em jogo de acordo com as ilustrações dos referidos tabuleiros (cartas e marcadores de rondas anteriores terão sido retirados na fase 6 da ronda anterior!)


Image Kai Molleken


Na fase 2 – Colocação de marcadores – os jogadores colocação 1 dos seus marcadores nos diferentes espaços dos tabuleiro de competição em jogo. Ao colocar um marcador num determinado espaço, os jogadores ganham as cartas ou as fichas associadas a esse espaço, porém, há espaços cujo benefício se aplica em fases posteriores (Dama Beatriz ou Hyde Park Speech).

Na fase 3 – Ações – os jogadores realização na sua vez o encadeamento de ações que entenderem necessários gastando para isso as cartas que tiverem na mão, podendo associar também fichas de ação.

As carta de bordo branco só beneficiam o jogador 1 vez sendo depois descartadas do jogo, as de bordo preto são colocadas no tabuleiro individual e podem dar benefícios todos os turnos desde que sejam ativadas. Para ativar uma carta de bordo preto basta que o jogador a baixe ligeiramente fazendo aparecer o check verde que ela esconde na posição inicial (na fase 6 todas as cartas de bordo preto são colocadas de novo em posição inicial).


Image “Kurosawa”


O tabuleiro individual só tem espaço para 6 cartas, ou seja, sempre que se deseje colocar uma nova carta e já não houver espaço, retira-se do jogo uma das 6, libertando um espaço para a nova carta.

As cartas de bordo preto têm no canto superior direito (dentro da ilustração) uma habilidade que pode ser muito variada: perder votos, descer no tabuleiro de prestígio social, ativar um símbolo (necessário consultar o index na última página das regras); na parte inferior da carta poderá haver uma habilidade condicional que ocorre sempre que uma determinada condição ocorra no jogo quer essa carta esteja ou não ativada, como por exemplo, perder 1 voto por carta de Liberal (L) jogada na sua área de jogo. Esta habilidade condicional pode beneficiar o jogador várias vezes na mesma ronda!

Há cartas que têm no canto superior direito (fora da ilustração) a silhueta negra de símbolos que concorrem para a condição de outras cartas, ou seja, pegando no exemplo anterior, a habilidade condicional da carta permitiria ao jogador perder votos sempre que este jogue cartas na sua área de jogo com a silhueta do partido Liberal simbolizada por um L sobre uma folha, ora, ao jogar uma carta com a silhueta L no canto superior esquerdo, o jogador não só executaria a ação da referida carta, como beneficiaria da perda de um voto por ter reunido a condição necessária da carta com habilidade condicional.


Image Ink


Sempre que uma carta carta é jogada executa-se a sua ação (símbolo no canto superior direito. As cartas jogadas mantêm-se em frente do jogador pois podem ser necessárias para validar as condições de outras cartas jogadas a seguir e/ou critérios para contabilização de maiorias das fases seguintes.

Nesta fase de ações usam-se também todas as fichas de ações que se tenham conquistado na fase 2 e voltam a colocar-se de onde se retiraram. Se o jogador optar por não usar essas fichas elas são devolvidas ao tabuleiro central na mesma!

Na fase 4 – Hyde Park – os jogadores vão contabilizar quantos símbolos de megafone têm nas suas cartas mais os adquiridos através da colocação de marcadores na fase 2, e em função desse valor verifica-se quem está em maioria.

Em função da ronda (marcador cilíndrico cinza indica qual das tabelas se usa) e do número de jogadores, perdem-se pontos da seguinte forma (tabela no tabuleiro de competição Eleições):

EJogador(es) em maioria – perde 2 / 3 / 4 na ronda 1 / 2 e 3/ 4 e 5 respetivamente [tabuleiro de 2 – 3 jogadores] ♦ perde 2 /3 / 4 na ronda 1 / 2 e 3/ 4 e 5 respetivamente [tabuleiro de 4 – 5 jogadores]
EJogador(es) em 2º lugar de maioria – perde 1 / 1 / 2 na ronda 1 / 2 e 3/ 4 e 5 respetivamente [tabuleiro de 2 – 3 jogadores] ♦ perde 2 /3 / 4 na ronda 1 / 2 e 3/ 4 e 5 respetivamente [tabuleiro de 4 – 5 jogadores]
EJogador(es) em 3º lugar de maioria – perde 0 / 0 / 1 na ronda 1 / 2 e 3/ 4 e 5 respetivamente [tabuleiro de 4 – 5 jogadores]
EJogador(es) em 4º lugar de maioria – não perdem nem ganham votos em qualquer uma das 5 rondas [tabuleiro de 4 – 5 jogadores]
EJogador(es) em último lugar – ganham 1 voto

Na fase 5 – Dama Beatriz – os jogadores terão de executar a penalização indicada pela ficha de Dama Beatriz visível no topo do respetivo monte. Quem tiver jogado um marcador neste espaço fica dispensado desta penalização. [Explciação das fichas em pormenor na p. 9 do livro de regras].


Image GeekInsight


Na fase 6 – Final da ronda – verifica-se se algum jogador alcançou o valor zero nalguma das competições. Se alguém o tiver feito, esse será o vencedor do jogo por antecipação!

Caso contrário, os jogadores reordenam a ordem de turno, se alguém tiver jogado para os espaços do tabuleiro central que permite mudar a ordem de turno.


Image Paulo Renato

Retiram-se do jogo todas as cartas e fichas que não tenham sido usadas nessa ronda. Se alguém tiver mais de 4 cartas na mão descarta o excesso!

Move-se o marcador de ronda e recomeça uma nova ronda!

Fim do jogo

Há duas forma do jogo terminar: a antecipada (referida anteriormente) e a normal (no fim da 5ª ronda). Se o jogo terminar pela via normal pontua-se da seguinte forma:

Bens – Valor do dinheiro com que cada jogador termina.
Eleições – Valor dos votos indicado pelo marcador de votos. O marcador não pode passar o número 44, porém pode descer para lá do zero, devendo apontar-se esse valor numa folha pois a grelha não tem número para lá do zero.
Sociedade – Soma dos 4 valores onde estiverem as 4 fichas de nobres (2 homens e 2 mulheres).
No fim da contabilização dos diferentes itens o resultado de cada jogador é o maior dos 3 itens. O jogador com o resultado mais baixo é o vencedor!

d10-3Avaliação:
The Prodigals Club (TPC) já não é uma novidade em termos de conceito, pois é um percursor de Last Will que trouxe esta temática e este objetivo bizarro pela primeira vez em 2011, no entanto, como nunca tive o prazer de experimentar o irmão mais velho de TPC, por assim dizer, ficarei apenas pelo comentário a este título mais recente.

Desde logo importa salientar que em termos de ilustração e materiais é tudo de elevada qualidade, conferindo ao título uma excelente experiência de jogo. O livro de regras não me parece escrito da melhor forma, podia estar mais organizado e ser mais claro. A editora preocupou-se em dar um contexto temático às diferentes ações, o que até se torna engraçado depois de se saber as regras e se voltar ao manual, mas que é manifestamente maçador na hora de aprender pela primeira vez!

O conceito do jogo é aquilo que mais me atrai: dilapidar o seu património, destruir a promissora carreira política ou denegrir a sua imagem social são objetivos que só mesmo a cabeça doente e genial de Vladimir Suchý poderia ter enquanto tema para um jogo de tabuleiro.

A esta dose de loucura cómica alia-se uma mecânica bem testada com imensa densidade estratégica e tática, onde é preciso adaptarmos a nossa estratégia as possibilidades oferecidas pelas cartas em todas as rondas. O jogo alia um conjunto de ações fixas que permitem uma estratégia a mais longo prazo e boa dose de imprevisibilidade com as cartas que todos os turnos temos à nossa disposição.

Resumidamente podemos garantir que com TPC estamos perante um excelente eurogame, que agradará a todos os amantes de worker placement, e fará as delícias de todos os que desejem desbaratar uma fortuna em ações mais ou menos imorais e reprováveis! Acresce a tudo isto a compatibilidade garantida do título com o seu antecessor (Last Will), permitindo (aparentemente) partidas de absoluta obscenidade na arte de tudo galdir!
5 
 Thumb up
 tip
 Hide
  • [+] Dice rolls
Front Page | Welcome | Contact | Privacy Policy | Terms of Service | Advertise | Support BGG | Feeds RSS
Geekdo, BoardGameGeek, the Geekdo logo, and the BoardGameGeek logo are trademarks of BoardGameGeek, LLC.