$10.00
Recommend
2 
 Thumb up
 Hide
1 Posts

Arkham Horror» Forums » Sessions

Subject: Arkham, 06 de abril de 1926 rss

Your Tags: Add tags
Popular Tags: [View All]
Tiago Perretto
Brazil
Curitiba
Parana
flag msg tools
Thinking about my next move.
badge
So, if my only options are these, then I shall...
mbmbmbmbmb

"O sr. Banks não quis falar em aberto comigo na delegacia, então marquei com eles uma reunião na estação de trem, onde não seria estranho nos encontrarmos e fingir ser casual. Mas ele não foi sozinho. Com ele estava o tal de O'Toole, um ladrão qualquer, tenho certeza que escrevi algo sobre ele no passado, mas não lembro; e um homem chamado Wilson Richards, que parece um vagabundo, mas Banks me garantiu que era uma pessoa de confiável. Perguntei de novo sobre os corpos inchados e deformados que apareceram nas docas. Banks me disse que, se falasse, eu não acreditaria, mas que ele poderia me mostrar. Banks não é um policial como os outros, disso eu sabia lendo os poucos registros sobre ele. 'Há mesmo uma história nisso?', perguntei. Foi a resposta do Banks que me fez seguir com eles. Ele disse: 'Sim. Mas uma que você não irá querer contar'."

Extrato do diário de Gary Sanford.


ARKHAM HORROR

Jogo: Arkham Horror, com a expansão Innsmouth Horror

Investigadores: Roland Banks, o policial federal, "Skids" O'Toole, o ex-presidiário, Wilson Richards, o faz-tudo e Gary Sanford, o freelancer

Grande Antigo: Ubbo-Sathla




Resultado:
Spoiler (click to reveal)
Vitória, com 16 pontos



Momentos especiais: Gary Sanford fazendo o seu trabalho exemplarmente. Wilson Richards mantendo Innsmouth na coleira. O'Toole se redimindo de erros passados. Roland Banks, o sortudo.

Descrição: Após pelo menos 200 partidas de Arkham Horror eu decidi realizar a minha primeira partida solo, em particular porque eu queria testar o Grande Antigo feito pelo
Gustavo Vazquez
Brazil
Curitiba
PR
flag msg tools
mbmbmbmbmb
e eu, o Ubbo-Sathla.

Já na escolha dos personagens eu vi que a situação era preocupante: nenhum único investigador com Sanidade 6 ou mais ou com Conhecimento 6. O mais próximo disso foi o Gary Sanford, então ele estava dentro. Os demais eu optei por aqueles que tinham itens únicos em suas posses iniciais, assim o restante da equipe foi formada pelo Wilson Richards, Roland Banks e "Skids" O'Toole.

Comecei suficientemente bem, pois mesmo com o azar de tomar dois portais abrindo em cima do Banks e do O'Toole, ambos tinham pistas suficientes para selar os portais em que entraram sem querer. O Wilson sequer chegou a colocar direito o pé em Arkham antes de pegar o ônibus para Innsmouth, dar uma parada na Ordem Esotérica de Dagon para conversar com o Padre Iwanicki, antes de pegar um barco e remar até o Recife do Diabo, onde enfrentou um Dark Young antes de entrar num portal. Pode-se falar qualquer coisa do Wilson, mas ele realmente é um faz-tudo.

Com os demais nos Outros Mundos, Gary conseguiu cumprir uma missão (Newspaper Assignment) e com isso recebeu pistas e dinheiro. E no mesmo turno em que completou a missão (ganhando 4 pistas e $5), que termina no Jornal, o encontro rendeu ao Gary mais $5, pela história que ele entregou! Acho bem legal quando as ações do jogo ecoam nos encontros.

Com o dinheiro, o Gary foi à Loja de Curiosidades e comprou um artigo mágico poderoso para enfrentar as criaturas que ameaçavam a cidade. O'Toole, Banks e Richards retornaram e selaram 3 portais. Gary entrou em seguida em outro e pouco depois selou-o também. Nesse momento o Ubbo-Sathla estava com 4 (de 12) na Trilha de Destruição.

Mas eu já sabia que a situação iria mudar, pois há alguns turnos iniciara-se um terrível Rumor: o Grande Ritual. Não havia possibilidade dele ser resolvido positivamente, tendo aparecido tão cedo, e era talvez o pior Rumor possível enfrentando Ubbo, que se beneficia de ter portais abertos com seu poder, que tanto consome itens únicos, como aumentar o Terror e ainda pode fazer avançar a Trilha de Destruição. Não havia como evitar, o jeito era tentar ser rápido para selar os dois portais que faltavam.




O resultado do Grande Ritual (que obriga a pegar 2 cartas de Mythos todo turno, a primeira delas só para abrir o portal) foi rápido em se fazer sentir: logo os investigadores não tinham mais itens únicos (exceto o Gary), Ubbo-Sathla saltou de 4 para 9 na Trilha de Destruição e, pior de tudo, o Terror estava em 8.

Mas Gary selou um novo portal, assim faltava somente um. Bem, isso até que um gate burst ocorreu na Floresta, onde havia um selo, quebrando-o e abrindo um novo portal.

Ainda tínhamos pistas para selar 2 portais. Innsmouth tinha somente um portal, mas este estava coberto por 4 monstros. O trabalho de Richards cedo na cidade poupou incômodos vindo de lá, pois o selo no Recife do Diabo impediu dois portais de abrirem e Richards usou a escopeta para dar cabo de alguns monstros errantes antes de regressar para Arkham.

O'Toole e Richards entraram na mesma rodada em portais, então, se tudo desse certo, em 2 rodadas os investigadores venceriam. Ubbo-Sathla se sacudiu e tremeu em seu sono, o que fez a Trilha de Destruição chegar a 10 (de 12) e o Terror subir para 9 (de 10), com a Arkham no limite de monstros e as cercanias lotadas de criaturas.

Mesmo com as dificuldades, O'Toole e Richards saíram dos Outros Mundos e conseguiram selar os dois portais na mesma rodada. Vitória!

E veio na hora. A carta de Mythos seguinte (!!) causaria outro monster surge levando ao despertar imediato do Ubbo-Sathla devido ao número de monstros em Arkham, com o Terror em 10. Os investigadores não teriam como enfrentá-lo: pois os mesmos tinham uma arma mágica e somente dois feitiços, nenhum dos quais ofensivo. Seria um massacre.

Vencer no limite é isso!

A partida toda durou cerca de 3 horas (um pouco mais que o usual, já que eu tinha de cuidar de tudo).

E foi isso!

Abs,
2 
 Thumb up
 tip
 Hide
  • [+] Dice rolls
Front Page | Welcome | Contact | Privacy Policy | Terms of Service | Advertise | Support BGG | Feeds RSS
Geekdo, BoardGameGeek, the Geekdo logo, and the BoardGameGeek logo are trademarks of BoardGameGeek, LLC.