Recommend
2 
 Thumb up
 Hide
1 Posts

Charly» Forums » Reviews

Subject: Charly portuguese review rss

Your Tags: Add tags
Popular Tags: [View All]
Carlos Abrunhosa
Portugal
Aveiro
flag msg tools
badge
Avatar
mbmbmbmbmb
d10-1Sinopse:

O objetivo do jogo é convidar todos os animais e conseguir providenciar-lhes a comida necessária para que ninguém passe fome. E quando a comida não chega há sempre uma gota de mel para corrigir o erro de cálculo da encomenda dos alimentos certos…

d10-2Como se joga:

No início do jogo separam-se os baralhos dos animais e dos alimentos. Do baralho dos alimentos retiram-se cartas em função do número de jogadores:

colonist Todas cartas de valor 7 e 8 num jogo a 2;
colonist Todas cartas de valor 8 num jogo a 3 e a 4;
colonist Todas cartas de valor 4 num jogo a 5;
colonist Num jogo a 6 não se retiram cartas do baralho da comida.

Depois de preparar o jogo resta dar 7 cartas de animal e uma de comida a cada jogador. No total cada jogador terá 7 cartas de animal e 1 carta de comida na sua mão.

Em seguida forma-se um baralho com as cartas de animal e outro com as cartas de comida que sobraram. Do baralho da cartas de animal revela-se a do topo, formando um monte de descarte, do baralho de cartas de comida revelam-se:

1 carta de comida num jogo a 2;
2 cartas de comida num jogo a 3, a 4 ou a 5;
3 cartas de comida num jogo a 6.

O primeiro a jogar é o jogador que imite melhor o grunhido de um porco!

O jogo em duas fases distintas:

1ª fase – Melhorar a mão de cartas
2ª fase – Festa dos animais

Os jogadores só passam para a 2ª fase quando um dos jogadores decidir que está pronto para fazer a festa na sua casa, dizendo em voz alta “Vamos à festa!”.

Durante a 1ª fase do jogo e respeitando a ordem de turno cada jogador escolhe uma carta de animal, que pode ser retirada do topo do baralho de animais (face oculta) ou a do topo do baralho de descarte das cartas de animal (face visível). Depois de escolher uma carta o jogador coloca uma das cartas que tem na mão (pode ser a que acabou de escolher) e coloca-a no topo do baralho de descarte das cartas de animal.

Em seguida é a vez do jogador que está sentado à esquerda do jogador que acabou de jogar.

Quando alguém decide dizer em voz alta “Vamos à festa!”, todos os jogadores dão a carta de comida que têm na sua mão e juntam-nas à(s) que está/ão visível no centro da mesa. Em seguida, e começando pelo jogador que convocou a festa, os jogadores vão colocando os animais que têm na mão junto do alimento correspondente a esse animal.

Partindo do seguinte exemplo:



Pelo exemplo percebemos que se trata de um jogo a 2 (1 carta de comida revelada e mais 1 de cada jogador).

À vez cada jogador vai colocando um animal por baixo da comida com que ele se alimenta, macacos debaixo das bananas, cão debaixo do osso e porcos que se podem alimentar de qualquer alimento.

Ao colocar um animal por baixo de uma comida o jogador tem de ver se ainda há comida suficiente para alimentar o/os animal/ais que vai baixar, pegando na imagem percebe-se que das 6 bananas 4 já foram consumidas sobrando ainda espaço para uma carta de 2 macacos ou 2 cartas de 1 macaco cada uma. No caso dos ossos, já há um cão a alimentar-se por isso ainda sobram 5 ossos para outras cartas de cães ou de porcos (que se alimentam de tudo!).

Quando um jogador não tem mais espaço para jogar as suas cartas da mão, ou porque não há mais espaço para as colocar ou porque não há esse alimento em jogo, o jogador diz “Passo“. Os outros jogadores podem continuar a jogar até terem possibilidade.

Quando todos os jogadores passarem, revelam os animais que não conseguiram alimentar e pagar 1 gota de mel por cada um deles (há cartas com 2 e 3 animais!). No caso dos jogadores não terem alimentado porcos, o custo é de 2 gotas de mel por cada um!

Se todos os jogadores tiverem pelo menos 1 gota de mel depois de terem alimentado com gostas de mel os animais com que na mão, dá-se início a uma nova ronda. O jogador inicial é aquele que tiver menos gotas de mel.

Se pelo menos um jogador ficar sem gotas de mel o jogo termina imediatamente e o vencedor é o jogador com mais gotas de mel.

d10-3Avaliação:

Charly é um interessante jogo de cartas com dois momentos bem distintos: uma primeira fase, onde a sorte é preponderante e a segunda fase onde há espaço para uma boa dose de tática.

Na sua génese Charly é um jogo infantil mas facilmente se percebe que se trata de um jogo adaptado tanto a miúdos como a graúdos.

O jogo serve às mil maravilhas para começar uma noite de jogos ou então para a terminar, pois é muito agradável.

Dada a enorme oferta neste tipo de jogos recomendo que o joguem primeiro antes de o comprar, mesmo sendo um jogo barato para o divertimento que oferece em pouco mais de 15 minutos e ser um dos nomeados ao prémio BDKJ 201o entre outros destaques da indústria.

Originally posted @ JogoEu
1 
 Thumb up
 tip
 Hide
  • [+] Dice rolls
Front Page | Welcome | Contact | Privacy Policy | Terms of Service | Advertise | Support BGG | Feeds RSS
Geekdo, BoardGameGeek, the Geekdo logo, and the BoardGameGeek logo are trademarks of BoardGameGeek, LLC.